MPAA erra números de pirataria

Piratas!

Em 2005, um estudo encomendado pela MPAA, Associação da Indústria Cinematográfica dos EUA, dizia que 44% de todos os downloads de filmes vinham das redes das faculdades. Isso justificou uma caça às bruxas, inclusive com várias prisões de universitários. Mas a associação está tendo que se explicar, pois foi revelado ontem que o estudo estava errado. A empresa de consultoria contratada teria errado nos cálculos por um engano na entrada dos dados. O valor, afinal, era de 15%. Uma outra empresa vai ser contratada para validar esse último número. Via Rotten Tomatoes (em inglês).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *