Apenas o Fim: belíssimo começo

rating_cincoestrelas

apenas-o-fim1Foi preciso um estudante de cinema da PUC do Rio de Janeiro com uma idéia na cabeça, uma câmera (emprestada) na mão e um whisky – o mesmo foi rifado para angariar fundos para a produção do longa -, para dar (perdoem o clichê) um sopro de originalidade ao cinema brasileiro. Depois da “miséria S.A.” que havia tomado conta das produções brazukas, já era hora de algo novo e, principalmente, de extrema qualidade.

Continuar lendo