Antes do Amanhecer: amor de verdade

Dirigido por Richard Linklater, que também assina o roteiro em parceria com Kim Krizan, Antes do Amanhecer[bb] é uma obra que pode ser definida como verdadeira. E grande parte dessa verdade se deve ao excelente roteiro repleto de belos e inteligentes diálogos.

A trama acompanha dois jovens, Celine e Jesse (vividos carismaticamente por Julie Delpy e Ethan Hawke), que se conhecem num trem e decidem passar um único dia juntos em Viena. Desde o início da obra percebemos o cuidado dispensado na construção dos personagens que são apresentados como pessoas, ainda que parecidas (jovens, bonitos e inteligentes/intelectuais sempre com seus livros à mão), com visões de mundo bem distintas. Enquanto Celine mostra-se uma romântica que adora arte e acredita no “sobrenatural”, Jesse – graças a sua desilusão amorosa recente – aparenta uma pessoa um tanto cética e com uma visão mais pragmática da vida.

Não só preocupado com a construção cuidadosa dos personagens, o roteiro também dedica-se ao desenvolvimento de uma relação orgânica e natural entre eles. Chega a fazer questão de explicitar isso num momento em que Jesse e Celine concordam ser estranho o fato de terem concordado em passar o dia sem se conhecerem previamente. E o relacionamento vai sendo construído aos poucos de maneira tão cuidadosa que, quando Celine diz “Com você é diferente“, o espectador sabe que essa não é uma declaração falsa ou forçada (como o ridículo “eu te amo” visto recentemente em O Turista), mas genuína e natural por que já vimos o quão Jesse é romântico na cena da roda gigante (onde a própria Celine brinca um pouco com o fato de ele ter pedido um beijo no momento do pôr do sol).

É importante ressaltar o mérito dos atores que, com interpretações sutis, reforçam a naturalidade presente no filme. Destaque para alguns momentos como a hesitação de Celine ao descer do trem, e os olhares furtivos entre o casal ao ouvir uma música numa loja de vinil. Isso faz com que o diretor confie, não só na força de seu roteiro, mas também na competência de seu elenco usando vários planos longos. Alguns com a câmera fixa dando close nos atores. O que emocionalmente cria uma relação de intimidade entre os personagens e o espectador.

Outro aspecto importante da obra é a sua bela fotografia que parece dar vida a alguns cartões postais de Viena. E é essa mesma fotografia que tem um papel fundamental no fechamento do longa ao retratar os locais em que os amantes estiveram agora sem os mesmos, remetendo à interpretação que Celine dá para as imagens de alguns cartazes com pessoas se dissolvendo no cenário.

Antes do Amanhecer é um romance autêntico. Talvez por isso não agrade a gregos e troianos. Linklater teve coragem de levar às telas uma história cativante, inteligente, bonita, mas sem concessões ao romantismo idealizado. Afinal de contas, estamos falando de uma história de amor de verdade. E quem disse que o amor não tem seus percalços?

Leigômetro: ★★★★★ 

Ficha Técnica
Antes do Amanhecer (Before Sunrise, 1995) 
Direção: Richard Linklater
Com: Ethan Hawke e Julie Delpy

, , , ,

Sem comentários.

Deixe uma resposta